quinta-feira, 18 de junho de 2009

Jornalistas, o fim?

Posso considerar que dentre minhas principais conquistas do ano, minha carreira profissional foi a que mais se enalteceu. Considerando minha entrada na faculdade de jornalismo (que sempre foi meu sonho) e começar a trabalhar nesse mesmo ramo, com uma confiança relevante para quem está no primeiro semestre do curso. Felicidade plena nesse aspecto da vida? Bééé, não! Ontem (17) o Supremo Tribunal Federal (STF) considerou inconstitucional a obrigatoriedade do diploma de jornalismo para exercer a profissão. Espera aí, eu estou pagando horrores por mês para sair formada na profissão dos meus sonhos, quando qualquer um, a partir de agora, pode ser um jornalista? Estou estarrecida com essa decisão, não posso crer que quem passa quatro anos em uma sala de aula aprendendo todas as determinações de uma profissão possa ser comparado com uma pessoa comum. Além desse aspecto, considero difícil acreditar que esses senhores da lei que desaprovaram a necessidade do diploma, afirmem que não há necessidade de ser formado em uma faculdade para passar informação ao telespectador, ouvinte ou leitor. Será isso verdade? Hoje em dia tudo o que fazemos e pensamos, é diretamente influenciado pela mídia, os jornais são nossa maior ligação com os fatos e acontecimentos do mundo, pessoas capacitadas, até então, nos contam a notícia, com fidelidade e imparcialidade ao acontecido como aprenderam na faculdade que deve ser. Mas e a partir de agora? Se os jornalistas não precisam mais ser capacitados em uma universidade para exercer a profissão aonde eles irão aprender esses valores essenciais para o ofício? Outro fator que deve ser mencionado é a própria existência do curso de jornalismo, com a não obrigatoriedade de especialização na área, o número de alunos que procurarão esse curso diminuirá consideravelmente, o que me faz supor a futura extinção da faculdade. Mas porque tudo isso, porque toda essa mudança? Espero que a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), junto das universidades de todo o país, consigam reverter essa situação que nós jornalistas e futuros jornalistas nos situamos. Eu, terminando o primeiro semestre do curso, admito ter cogitado a hipótese da mudança para Relações Públicas, no entanto certa de meu amor pela informação, resolvi ser persistente. Não desistirei do meu sonho e me tornarei, no futuro, uma real jornalista, formada e com diploma.

11 comentários:

Sofia disse...

diploma de volta ! o//

Thiago Laurent. disse...

Ah Patrícia, eu soube disso faz pouco tempo, mas eu não sabia que já tinham decidido continuar com a decisão, achei um absurdo. Não acredito que uma pessoa que não tenha cursado jornalismo possa entrar nessa profissão, com certeza as pessoas que cursaram vão ter prioridade nos empregos, mas mesmo assim, essa situação é ridícula...

Obrigado por ter se lembrado de mim, mas jornalismo é uma coisa que eu não quero fazer >.< hahaha

Juliana Pedroso disse...

Isso foi bom pra você! Porque você vai se destacar no meio de outros!! Dê o melhor de si, e será reconhecida, não será como os 'outros'. Beijoos e eu já falei que adoro o blog né.. rsrs

Marina Melow - Papo Contemporâneo disse...

Nossa, isso chegou a dar um desânimo...Mas como é o meu sonho, vou correr atrás!
Não será tão fácil me vencer não! Hahaha!

Beijos!

Camila Locatelli disse...

Eu ainda pensava em fazer jornalismo, mas depois disso.

Pior foi minha tia que vai acabar a faculdade no meio do ano, agora em agosto, e ela fica sabendo disso!

Sofia disse...

postei sobre perdão lá no blog (http://pirulito-no-palito-blogspot.com/). Vai lá dá um Up !
Eu e o Pirulito estamos querendo alcançar os 400 comentários ainda essa semana, ajuda vai ? *--*

:*

Nathália Monte ;D disse...

eu sou be disse..que chato neh1 me revolta é inenarravel!!

beijO

Sofia disse...

Oi, tudo bom ?
Bem, passei pra avisar que botei la no blog o selinho 'Esse blog tem glamour'(http://pirulito-no-palito.blogspot.com/). Se você ainda não tiver, corre lá, pois além de merecer o selo e apenas para os 25 primeiros que comentarem.
(:
beiijos.

rafa cm² disse...

Há há, eh amor...
Seja muito bem vinda ao mundo dos comunicadores não regulamentados...
Óh vida cruél...
Nem tanto, mas enfim não vamos entrar nos méritos da questão, é melhor que o pessoal aí do Jornalismo que realmente seja contra essa decisão, se mobilize o mais rápido possível, pra aproveitar a indignação pública antes que esfrie o negócio, pq depois vai ser difícil voltar atráz... "Vamo fazê palelaço gente!" mexam esse traseiro gordo... shaushuasuhaus

Amor o blog tah xdb...
Um dia desses ainda faço um pra mim!
Te Amooo!

Sofia disse...

Oii, tudo bem?
Passando primeiro pra avisar que postei sobre Lei da Atração, lá no blog (http://pirulito-no-palito.blogspot.com/). Segundo pra lembrar que o selinho do post anterior ainda tá valendo. Terceiro, pra avisar que eu criei a comunidade do blog no orkut, muita gente tava me adicionando e eu não aceitei então quem quiser agora pode entrar na comu (http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=91449648). Ah! E se der responde aos topicos da comunidade. Quarto, cheguei aos 400 comentários, obrigada pela sua ajuda (:
beijos :**

a má! disse...

Fiquei sabendo disso e achei errado também.
Mas pode ter certeza que você tendo diploma, você vai estar sempre a frente dos outros ;)

um beijo ! :*