quarta-feira, 7 de abril de 2010

1 ano!


Edição de aniversário. Hoje dia 07 de fevereiro o Meu Edredon completa um ano. Dia 07 de abril de 2009 sem nada pra fazer em casa, a dona Patricia Kuhn que não trabalhava, so estudava à noite e passava o dia no orkut e no msn, influenciada por uma vida Caprichosa, acabou criando um blog para quem sabe ser lida por alguém. Bom acho que deu certo, a pouco vi um amigo Twittando a uma amiga que queria fazer um blog: “mateus_ @TaliMazzola eu já tive 2514135485 blogs e nunca duraram mais que três meses HUUHAUHAUH”, bom com essa argumentação do meu amigo parei raciocinei, ‘pera’ já faz um tempão que eu tenho o meu, resolvi olhar a data do primeiro post, e incrível era hoje. Fico tão feliz em ver que após um ano, 38 postagens, 24 seguidores e um número razoável de comentários, o blog continua vivo.
O blog foi uma alternativa frustrada expressar o que eu pensava, mas em poucos post’s já escrevia apenas o que sentia e fazia. Bom na segunda vez que escrevi n blog já estava falando de um acontecido. Foram tantas histórias contadas, tantos desabafos, tantas coisa que eu deixei subentendido, post de utilidade pública, despedidas, achados pela internet e ainda poemas e letras de músicas. Um ano todo descrito em simples palavras que unidas contam uma história de uma vida eloquente e ilimitada que deve se tornar mais calma com o passar do tempo. Ter a certeza que no futuro vou poder reler o blog e saber o que eu sentia, pra mim já é a melhor justificativa para ter um blog.
Nesse momento para e analiso: qual a repercussão que o blog tem tido? Nenhuma? Bom, talvez tenha. Durante os últimos dias, acabei descobrindo que mesmo sem comentar, muitas pessoas acompanham o meu edredon, sabem da minha vida. Bom? Claro, sempre é extraordinário que pessoas aparentemente distantes, lêem o blog e refletem sobre o que escrevo, seja para me criticar o que é a maioria, para se emocionar, invejar, ou mesmo para saber da minha vida. Enfim, escrever e ser lida e a melhor recompensa para qualquer pessoa, ainda mais para uma futura jornalista como eu.
Nesse aniversário, não é dia de parabenizar, mas sim de agradecer, a todos que se reconfortam no meu edredon e também àqueles que têm vontade de rasgá-lo. Obrigada pela audiência de vocês, alias de todas as pessoas que acompanham, tirando as influenciadas como o namorado, quero agradecer em especial a Juliana Pedroso, a primeira a comentar no meu blog e que continua acompanhando até hoje, sem nem me conhecer.

Meu edredon completa um ano e assim espero que siga. Como já diria um amigo meu: “Para que fazer faculdade de jornalismo, se é so criar um blog?”. Bom, mas o blog tem que dar certo.

Meu edredon – 1 ano

3 comentários:

rafa cm² disse...

Eh amoreco, por mais q vc não considere meus comentários vou lhe dar os PARABÉNS, realmente vamos criar uma campanha "Blog para a vida toda" e esse aqui eu acredito mesmo que seja. Que seu EDREDON lhe sirva sempre de amigo, que vc o ame, ou odeie, chore sobre ele ou abrace bem forte imaginando uma pessoa especial.
E quem disse que endredon não tem vida? Pois ele tem, pode não ter voz, mas ensina aconxega e da forças...
Parabéns pelo seu EDREDON, continue lavando, renovando, gastando, costurando, imendando, renovando que assim vcs vão longe!
TE AMOO!

PS: não tem jeito eu comento mesmo!

Juliana Pedroso disse...

Parabéns pelo seu 1 ano de blog! Aiii, brigada meu.. fiquei muito feliz quando vi meu nomezinho ali! lembro quando a gente trocou nossos endereços em uma comunidade do orkut! e olha só.. estamos acompanhado o blog da outra a um ano!! que emoção! muito obrigada e meus PARABÉNS por esse um ano de blog.. parabéns pq tbm tive muitas experiencias frustradas com esses blogs.. e parece fácil, mas é dificil faer com que nosso blog seja acessado e vire interessante! Beijoooooos

Tali Mazzola disse...

Lindaaa!!!

tbm estou te seguindo, e obrigada, espero em um ano dar tão certo como vc... O objetivo do blog é mais como um desabafo, uma forma de seguir por um caminho onde eu possa escrever o que quiser e se algm quiser pode ler hehehe...

Amor beijão te adoro!